Perdão
Perdão

Perdão Lyrics Meanings
by Corvo'

1
Perdão Music Video

Perdão Lyrics

Vira um caso se por acaso dou um passo atrás
Troco o passo a cada muro riscado em Alcatraz
É um risco pisar o risco sem me ver capaz
Vou atrás, ser voraz, capaz da própria paz
Tou kinda fit, dark, de facto tou-me a achar achado em parte
Com medo que fique amargo, farto de ver manchada a farda, fuck
Tanto calafrio que quase a epiderme se abre
Dizem-me que é uma fase mas vive comigo uma entidade
Ou vive em mim, ouvi latim a cada tic tac
Dei por mim a ler Bellamy, kinda sick, fuck
Ya, eu vivo arte, convém
Tá eu fiz pacto, com quem
Tou a entrar pela backdoor tipo que já vim tarde
Querem ser Tupac's, meu boy banca a six-pack
Eu quero mais que tu pagues até perder o sixpack
Ya Low, sick track, eu cá sigo sem mapa
My G, simp? Nada
Pitamos sem paka
Não tou lento, não
Já não me afastam
Por mim e pelos meus nunca vou pedir perdão
E pelo vento vão medidas de coação
Não há talento que vá vingar sem motivação
Não tou lento, não
Já não me afastam
Por mim e pelos meus nunca vou pedir perdão
E pelo vento vão medidas de coação
Não há talento que vá vingar sem sujar as mãos
Mesmo livre eu não saiu, se tenho lido é meu livro
Como é que me vou livrar do bairro se ainda com o bairro lido
Desde kid tou calado, se tenho visto eu não chibo
Como é que te vou contar um recado em que tão pouco acredito
Tenho dito, tou a lutar pelo sonho isto é por mim
Kinda freak, não aconselho vir a cruzar o meu caminho
Calma biris, é cada pratada que o homem manda
A banca que eu fiz foi chafurdada numa semana
É panca querer qu'isto vingue cachet sem eu ter banda
Nem é por mal vê que os Caricas limpam mais guita que o Panda
Quero um rendimento estável disto e sei que posso ter
Nunca me vais ver de volta à igreja a pedir o vosso terço
Tou a pôr a fé toda nos meus e sei que vai correr
Melhor que ajoelhar p'ra um Deus que ninguém na verdade vê
Vê que é puro, queres a luz ao fundo do túnel, é isso
Vê-me no escuro, contra-natura, enquanto evoquei o bicho
Nada no guimbo porque, gringo, eu quero esconder o crimes
Corvo no neck, não é ouro, é o meu corpo num limbo
Dizem que fiz o que quis e eu já quis o mundo
Comparam skills com views, não podem comprar tudo
Tão a tremer das canetas ainda inseguros
Tou a alinhar os planetas p'ra ver o meu futuro
Não tou lento, não
Já não me afastam
Por mim e pelos meus nunca vou pedir perdão
E pelo vento vão medidas de coação
Não há talento que vá vingar sem motivação
Não tou lento, não
Já não me afastam
Por mim e pelos meus nunca vou pedir perdão
E pelo vento vão medidas de coação
Não há talento que vá vingar sem sujar as mãos
Mesmo livre eu não saiu, se tenho lido é meu livro
Como é que me vou livrar do bairro se ainda com o bairro lido
Como é que me vou livrar do bairro se ainda com o bairro lido

Vira um caso se por acaso dou um passo atrás
Troco o passo a cada muro riscado em Alcatraz
É um risco pisar o risco sem me ver capaz
Vou atrás, ser voraz, capaz da própria paz
Tou kinda fit, dark, de facto tou-me a achar achado em parte
Com medo que fique amargo, farto de ver manchada a farda, fuck
Tanto calafrio que quase a epiderme se abre
Dizem-me que é uma fase mas vive comigo uma entidade
Ou vive em mim, ouvi latim a cada tic tac
Dei por mim a ler Bellamy, kinda sick, fuck
Ya, eu vivo arte, convém
Tá eu fiz pacto, com quem
Tou a entrar pela backdoor tipo que já vim tarde
Querem ser Tupac's, meu boy banca a six-pack
Eu quero mais que tu pagues até perder o sixpack
Ya Low, sick track, eu cá sigo sem mapa
My G, simp? Nada
Pitamos sem paka
Não tou lento, não
Já não me afastam
Por mim e pelos meus nunca vou pedir perdão
E pelo vento vão medidas de coação
Não há talento que vá vingar sem motivação
Não tou lento, não
Já não me afastam
Por mim e pelos meus nunca vou pedir perdão
E pelo vento vão medidas de coação
Não há talento que vá vingar sem sujar as mãos
Mesmo livre eu não saiu, se tenho lido é meu livro
Como é que me vou livrar do bairro se ainda com o bairro lido
Desde kid tou calado, se tenho visto eu não chibo
Como é que te vou contar um recado em que tão pouco acredito
Tenho dito, tou a lutar pelo sonho isto é por mim
Kinda freak, não aconselho vir a cruzar o meu caminho
Calma biris, é cada pratada que o homem manda
A banca que eu fiz foi chafurdada numa semana
É panca querer qu'isto vingue cachet sem eu ter banda
Nem é por mal vê que os Caricas limpam mais guita que o Panda
Quero um rendimento estável disto e sei que posso ter
Nunca me vais ver de volta à igreja a pedir o vosso terço
Tou a pôr a fé toda nos meus e sei que vai correr
Melhor que ajoelhar p'ra um Deus que ninguém na verdade vê
Vê que é puro, queres a luz ao fundo do túnel, é isso
Vê-me no escuro, contra-natura, enquanto evoquei o bicho
Nada no guimbo porque, gringo, eu quero esconder o crimes
Corvo no neck, não é ouro, é o meu corpo num limbo
Dizem que fiz o que quis e eu já quis o mundo
Comparam skills com views, não podem comprar tudo
Tão a tremer das canetas ainda inseguros
Tou a alinhar os planetas p'ra ver o meu futuro
Não tou lento, não
Já não me afastam
Por mim e pelos meus nunca vou pedir perdão
E pelo vento vão medidas de coação
Não há talento que vá vingar sem motivação
Não tou lento, não
Já não me afastam
Por mim e pelos meus nunca vou pedir perdão
E pelo vento vão medidas de coação
Não há talento que vá vingar sem sujar as mãos
Mesmo livre eu não saiu, se tenho lido é meu livro
Como é que me vou livrar do bairro se ainda com o bairro lido
Como é que me vou livrar do bairro se ainda com o bairro lido

Writer(s): Francisco Neves
Copyright(s): Lyrics © DistroKid
Lyrics Licensed & Provided by LyricFind

Perdão Meanings

Be the first!

Post your thoughts on the meaning of "Perdão".

End of content

That's all we got for #

What Does Perdão Mean?

Attach an image to this thought

Drag image here or click to upload image

Lyrics Discussions
Hot Tracks
Recent Blog Posts