O Quarteto, Zé Ramalho Banho de Cheiro / Frevo Mulher cover

Banho de Cheiro / Frevo Mulher
by O Quarteto & Zé Ramalho
Lyrics and Meaning


Ratings

Song Lyrics

Song Meaning
Verse 1
Quantos aqui ouvem
Os olhos eram de fé
Quantos elementos
Amam aquela mulher
Verse 2
Quantos homens eram inverno
Outros verão
Outonos caindo secos
No solo da minha mão
Verse 3
Gemeram entre cabeças
A ponta do esporão
A folha do Não-Me-Toque
E o medo da solidão
Verse 4
Veneno meu companheiro
Desata no cantador
E desemboca no primeiro
Açude do meu amor
Verse 5
É quando o tempo sacode
A cabeleira
A trança toda vermelha
Um olho cego vagueia
Procurando por um
Verse 6
É quando o tempo sacode
A cabeleira
A trança toda vermelha
Um olho cego vagueia
Procurando por um
Verse 7
Quantos aqui ouvem
Os olhos eram de fé
Quantos elementos
Amam aquela mulher
Verse 8
Quantos homens eram inverno
Outros verão
Outonos caindo secos
No solo da minha mão
Verse 9
Gemeram entre cabeças
A ponta do esporão
A folha do Não-Me-Toque
E o medo da solidão
Verse 10
Veneno meu companheiro
Desata no cantador
E desemboca no primeiro
Açude do meu amor
Verse 11
É quando o tempo sacode
A cabeleira
A trança toda vermelha
Um olho cego vagueia
Procurando por um
Verse 12
É quando o tempo sacode
A cabeleira
A trança toda vermelha
Um olho cego vagueia
Procurando por um

Lyrics Licensed & Provided by LyricFind



What's Your Interpretation?

No Thoughts or Song Meanings Yet

Be the first to leave a thought.

Related Blog Posts


More Songs by O Quarteto


Views

Banho de Cheiro / Frevo Mulher

by O Quarteto, Zé Ramalho
28