Água e vinho cover
Água e vinho cover

Água e vinho Lyrics Meanings
by Jane Duboc


Água e vinho Lyrics

Todos os dias passeava secamente
Na soleira do quintal
A hora morta, pedra morta, agonia
E as laranjas do quintal

A vida ia entre o muro e as paredes de silêncio
E os cães que vigiavam o seu sonho não dormiam
Viam sombras no ar
Viam sombras no jardim

A lua morta, a noite morta, ventania
E um rosário sobre o chão
E um incêndio amarelo e provisório
Consumia o coração
E começou a procurar pelas fogueiras
Lentamente
E o seu coração já não temia as chamas do inferno
E das trevas sem fim
Haveria de chegar o amor

E começou a procurar pelas fogueiras
Lentamente
E o seu coração já não temia as chamas do inferno
E das trevas sem fim
Haveria de chegar o amor

Writer(s): Geraldo Carneiro, Egberto Gismonti
Copyright(s): Lyrics © Royalty Network
Lyrics Licensed & Provided by LyricFind

Água e vinho Meanings

Be the first!

Post your thoughts on the meaning of "Água e vinho".

End of content

That's all we got for #

What Does Água e vinho Mean?

Attach an image to this thought

Drag image here or click to upload image

Latest Blog Posts
Lyrics Discussions
Hot Tracks
Recent Blog Posts